15 novembro 2010

Séries: Downton Abbey


Adooooro séries britânicas ambientadas no passado. Já falei aqui de Lark Rise to Candleford, uma série muito fofa que se passa no final do século XIX.

Há algumas semanas "descobri" Downton Abbey, cujo último episódio da primeira temporada - foram apenas sete "capítulos" - acabei de ver.
Downton Abbey é a casa da família Crowley e a história começa em 1912, no dia seguinte ao naufrágio do Titanic , no qual estão dois primos do Conde Grantham, um deles o noivo de uma de suas filhas. A morte do moço muda coisas importantes em Downton Abbey já que mulheres não herdam títulos de nobreza dos pais e, por um acordo feito quando o conde se casou com a rica esposa estadunidense, o dinheiro também só seria passado para um herdeirO. Logo descobrem que existe um primo distante que é chamado para viver próximo a eles.

O que mais gosto na série é a descrição, o retrato que mostra de como eram casas daquela época na Inglaterra e de como funcionavam, já que parte importante da história é vivida pelos vários empregados da casa, em uma organização incrível e que têm, entre eles, toda uma hierarquia de importância.

Além disso, o primo que chega e que é advogado, filho de um médico também traz para a vida da família nobre coisas novas. A cena em que a mãe do conde - chocada como  fato dele querer continuar trabalhando mesmo sendo herdeiro de uma grande herança - pergunta o que é um "fim-de-semana" é tragicômica; mas natural ela não saber o que é isso já que em sua vida não há dias de folga, já que também não existem dias de trabalho.

A fleuma britânica também está lá, o que diverte e igualmente assusta já que por aqui somos tão pouco convencionais.

Do primeiro ao último episódio a série deixa a gente com vontade de ver mais e o gancho deixado pra segunda temporada foi perfeito, terminando do mesmo jeito que começou: com a chegada de uma carta trazendo - más - notícias.

Super-recomendo!

2 comentários:

  1. acabei de ver o ultimo episódio.
    Achei excelênte essa série. Mto bem escrita, intepretada, com personagens carismáticos. Realmente recomendo!

    ResponderExcluir
  2. Oi Dani,

    Que bom alguém que viu e gostou comentar por aqui!

    Beijocas.

    ResponderExcluir