Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2012

Especial Séries: The killing

No comecinho do ano fiz uma semana especial contando das séries que tava vendo. Outras séries se juntaram as que já via e, por isso, nos próximos dias, entre os posts das minhas férias, comentarei algumas séries que comecei a ver :)


Vou começar pela queridíssima The killing! Primeiro preciso avisar que, para uma boa explicação, terei que contar uma coisinha que talvez, quem vá ver a série, não queira saber então, se você começou a ver a primeira temporada mas não a terminou, ou tá pensando em ver mas não gosta de saber o que acontece "nos próximos capítulos", melhor ler este post mas tarde ;)
Se você gosta de ver na tevê gente bonita, bem maquiada, bem vestida, lugares ensolarados, lindos... The killing não é pra você de jeito nenhum! Essa versão estadunidense de uma série dinamarquesa é crua, bem mais real do que o que a gente costuma ver na televisão, as pessoas são mais reais, mais normais, sem grandes produções e o cenário, Seattle, é do mesmo jeito, perfeitamente acompanh…

Lima, a cidade sem bueiros

Finalmente vou começar a contar da minha viagem. Aliás, D. Sandra, já tinha começado a escrever o post hoje no trabalho e parei no finalzinho. Ei-lo agora.

Todo mundo sentadinho e com tempo pra ler um monte e ver umas fotinhos? Eu pensei em colocar tópicos no email mas, como muitas informações não serão longas, vou por texto mesmo, tá?Então, pra quem não sabe, em março saí de férias e, aproveitando uma passagem baratíssima oferecida pela Lan - cerca de R$ 1200 - fui para a Espanha e Portugal, passear, visitar primos queridos que estão por lá, descansar e passar um pouco de frio, deixando pra trás o calor infernal de verão de Foz! Na primeira parte da passagem estive com minha mãe, a Angelice - amigona -, minha tia Mirian e os filhos dela, a Carol e o Alex.
No nosso vôo para Madri, pela Lan, tínhamos conexão em Lima, o que nos obrigou - quanto sofrimento... not! - a passar uma noite e um dia na capital peruana. Há alguns meses Foz tem vôo direto para Lima. Saímos daqui de Foz - Mãinha, An…

EIBTUR - 1º Encontro de Blogueiros de Turismo

Vamos?

Florzinha: 2009 - 2012

Uma das minhas gatinhas, a Flor, morreu hoje no começo da noite no meu colo, quando fui visitá-la na clínica onde estava internada desde de manhã.
Sem entender o que aconteceu, sem conseguir me dar uma causa pro mal que fez ela ficar tão malzinha de repente, o veterinário disse que poderia ser feito uma necropsia mas que não era garantia de que descobriria o que aconteceu. Agora não interessa saber também...
Muitas lágrimas pela minha gatinha mais quietinha, mais "na dela" e, ao mesmo tempo, mais espoleta.
Fica com Deus e Francisco de Assis, meu amorzinho :'(


("arte" de Natal)

Feliz Dia das Mães

Li: Um dia

"... e viveram felizes para sempre?"
Quantas histórias de amor a gente conhece que não terminam assim? Poucas. Geralmente é este o final das histórias românticas que lemos ou assistimos.
Assim como aconteceu com O menino do pijama listrado, eu fiquei sabendo que havia o livro Um dia quando vi o trailer do filme, estrelado pela Anne Hathaway e o Jim Sturgess - que eu acho a cara do Paul McCartney novinho! Como sempre, preferi primeiro ler o livro a ver o filme porque é sempre óbvia a pequena decepção que me acomete quando vejo um filme baseado em um livro - que já li - e, sei lá, começo a achar que eu gosto dessa "pequena decepção" (?!).
Emma e Dexter se conhecem em uma festa de formatura quando têm 20 e poucos anos. Os dois não tem praticamente nada em comum mas acabam tornando-se amigos. O romance de David Nicholls é original - pelo menos eu nunca tinha lido livro nenhum assim - porque cada capítulo retrata o mesmo dia, 15 de julho, de 1988 a 2007. Idas e vinda…