Pular para o conteúdo principal

Vi: As aventuras de Pi



"Acredite no extraordinário".

Nunca fui de me ater muito a frases de cartazes de filmes e tals. Acho-as, no geral, bem fuleirinhas e genéricas, sem nada de especial a dizer.

No entanto, depois de ver As aventuras de Pi (Life of Pi, EUA, 2012) - como meu amigo Rubens diz: "só Deus na causa deste título brasileiro" tão "sessão da tarde"! - duas vezes e ler o livro, "acredite no extraordinário" é a frase perfeita e o pensamento que temos que ler diante desta história.

Eu sou entusiasta de muitos filmes! Uma vez minha irmã me acusou de nunca desgostar de filme algum, o que também não é verdadeiro, já que desgosto de vários! No entanto, meu entusiasmo por Pi é único, porque o filme é único!

Desde a cena de abertura, mostrando animais em um zoológico da Índia, tudo que vemos na tela é de encher os olhos de deslumbre! Eu sei que quem curte cinema se divide diante do 3D mas eu sinto por quem não pode ver o filme com esta tecnologia que deixa o filme quase palpável.

Mas o filme vai além do 3D: em imagens "comuns", cada cena de Pi também seria de uma beleza singular!

Bom, pra quem não sabe da história, Piscine Molitor Patel é um rapazinho indiano que tem seu nome em "homenagem" a uma piscina francesa. Nascido hindu, Piscine conhece o cristianismo e o islamismo ainda novinho e começa a professar as três religiões, de forma dedicada. Enquanto isso, na escola, Piscine torna-se Pi - sim, como em 3,14... - e, aos 16 anos, em mudança para o Canadá com sua família e boa parte dos animais do zoo, o cargueiro onde viajam naufraga sobrando Pi, uma hiena, uma zebra, uma orangotango e um tigre no bote salva-vidas. Rapidamente a população do barco se reduz a Pi e ao tigre, Richard Parker - pra saber o porquê do nome incomum tem que ver o filme ;) Ao longo dos 227 dias no mar, os dois náufragos passam por aventuras jamais imaginadas possíveis e uma afetuosa e estranha relação nasce entre os dois.

Irrfan Khan faz Pi adulto, já no Canadá, conta a história. Gosto muito do ator, que conheci em Nome de família, filme que adoro e sobre o qual comentei aqui. Já aos 16, quem dá vida ao personagem é Suraj Sharma, um rapazinho indiano bonitinho que nunca tinha atuado antes e que é tão bom no papel que torna difícil crer nisso!

Entre as pessoas que já viram o filme, o mais comentado tem sido a questão da religião comentada ali. Há quem ache que o filme puxa a sardinha pra religião, mas já ouvi gente dizer que o filme é imparcial. A minha opinião? Sinceramente não sei. Como religiosa - no sentido de que tenho uma religião que tento praticar -, eu acho que o filme fala de uma forma belíssima de Deus e de fé mas acho que vai muito além disso!

Vale muito a pena assistir! Lindo, lindo, lindo!

Em tempo, Pi concorre, no próximo mês, a 11 prêmios Oscar, incluindo melhor filme, melhor direção - Ang Lee, sempre maravilhoso! - e melhor roteiro adaptado.

Abaixo, um dos trailers do filme:



Comentários

  1. If you USB ports are located on the back of your computer, you are out
    of luck and will need the extension. Stop wasting money on expensive dvd camcorders when a cheap
    one will do the trick. The Quasar VM-L153 camcorder also has a feature they call a EIS.
    The last thing you would want is run out of battery power during
    an interesting underwater shoot.

    Here is my web-site ... Camcorder Reviews

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Você sabe o que é um "scammer"?

Eu fico tanto tempo sem escrever que, quando volto, fico com vergonha, pode?
Em minha defesa quero dizer que andei muito ocupada e sem nada de interessante pra escrever e que ando visitando os blogs que curto mas NÃO CONSIGO comentar há semanas! Sempre dá erro.
Mas, vamos ao que me motivou voltar a escrever um post. E senta confortável porque a história é longa mas muito séria e importante de ser conhecida.
Vocês já ouviram falar em scammer ou scam?
Scam, traduzindo meia-boca do original inglês, é um golpe, trambique, cambalacho. Scammer é quem o pratica. Na internet os scams mais conhecidos são aqueles golpes que com certeza vocês já conhecem de receber um email dizendo que tem um dinheiro em um banco africano e que você foi escolhido pra ficar com aqueles milhões. Já não recebeu um desses emails?
Mas existe mais um tipo de scam que tem se alastrado e que eu conheci este final de semana, da forma mais dolorosa: quase sendo vítima dele. É o scam romântico.
Se por um lado eu me enverg…

As calcinhas no varal

Hoje lavei minha roupa e, ao estendê-la no varal, fiquei chocada com a "qualidade" de boa parte das calcinhas que ali estavam.

As mulheres que têm entre 30 e 35 anos provavelmente cresceram ouvindo suas mães dizerem para cuidar com a roupa de baixo que usa porque se desmaiar na rua todos verão a calcinha velha, o sutiã com alça encardida - nem é o tema do post, mas quero avisá-las que é verdade! Um ex-colega de faculdade, bombeiro, diz que sim, eles reparam, mesmo nos momentos mais complicados de socorro, se as "moçoilas" estão com calcinha feia! - e falarão que a dona da lingerie é uma porquinha!

Daí hoje, olhando as calcinhas no varal, eu fiquei pensando que ali estavam aquelas calcinhas que normalmente eu usaria só pra dormir. Mas eu não só durmo! Ou seja, eu saí com boa parte delas!!

"Analisando" o varal, lembrei de que eu sempre tentei ser caprichosa com o que vestia por baixo da roupa. Mesmo quando era casada tentava usar lingerie arrumadinha e depois,…

25 em 2013 - Livro 5: Sua resposta vale um bilhão

Eu sinto tanto só agora escrever sobre Sua resposta vale um bilhão que li em fevereiro! Principalmente porque vou deixar muita coisa bacana do livro de fora. Mas gostei tanto que, mesmo assim, vale a pena.
Minha história com o livro é longa. Sou apaixonada pelo filme Quem quer ser um milionário - sobre o qual comentei efusivamente aqui, há 4 anos. Naquela época eu já tinha me interessado pelo livro, primeiro do autor - um diplomata indiano - mesmo correndo o risco de me decepcionar com o filme depois de lê-lo.
Namorei o livro longamente até que encontrei na Estante Virtual - um site que reúne sebos do Brasil inteiro - no comecinho do ano. Paguei R$ 4- sim, quatro reais! - por uma edição praticamente nova.
Quanto à história, muita coisa é diferente do filme - e necessário, se pensarmos na impossibilidade de adaptar um livro inteiro pra 2h de película. Escrevendo isso, o que me vem à cabeça é que, na verdade, o filme é inspirado na idéia central, do menino pobre, criado no mundo e que ganh…